quarta-feira, 8 de abril de 2015

A simplicidade da infância...

A infância é algo tão simples, tão natural... Nós adultos é que costumamos complicar...

Se observarmos, desde que são bebês, crianças amam papéis e caixas...
Podemos dar brinquedos caros e cheio de badulaques e luzes... mas crianças amam brincar com os embrulhos, com as caixas dos brinquedos, com rolo de papel higiênico ou papel toalha!
É simples: com essas coisas, eles imaginam e brincam do que bem entendem: podem entrar numa caixa e fingir que estão num carro, avião, caminhão, navio pirata... Se a caixa estiver em pé pode virar casinha, castelo ou se transformar simplesmente numa deliciosa brincadeira de esconde-esconde...
Papéis podem ser dobrados, amassados, rasgados, picados, são coloridos, fazem barulho... É muito divertido!
Rolo de papel pode ser microfone, telescópio, antena, pode ser tanta coisa...
Além disso temos outras coisas simples que podem entreter as crianças por muito tempo: barquinho de papel, aviãozinho, chapéu de soldado, cola, revistas, tesoura (na idade certa, claro!), massinha, retalhos de tecido...
Que delícia brincar com essas coisas!!!
Também tem elementos da natureza que podem divertir muito: pedrinhas, um graveto, pedacinhos de madeira, folhas secas...
Tudo vira brincadeira!!!

Com o Henrique sempre foi assim... Ele pode passar mais de uma hora brincando de massinha, adora recortar, inventa outras funções para os seus brinquedos... Outro dia ficou por muito tempo brincando com tiras de papel crepom...

É assim, bastam algumas coisas simples e TEMPO... As crianças se divertem!!!

... e como é na casa de vocês?

Lívia.

Um comentário:

Lív´s - Lívia Haddad disse...

Fico me perguntando como será quando Bia tiver maiorzinha. Hoje nada prende sua atenção... as diversões duram tão pouco que vira e mexe eu continuo na brincadeira e ela já partiu pra outra opção! hahahhaha!